Saltar para o conteúdo principal

Residência Oficial do Primeiro-Ministro

A Equipa Multidisciplinar de Apoio à Residência Oficial do Primeiro-Ministro (EM-ROPM) é uma unidade orgânica da Direção de Serviços de Mobilidade, Sustentabilidade e Aquisições a quem compete assegurar (i) o apoio administrativo necessário à atividade do Gabinete do Primeiro-Ministro, (ii) a administração e a conservação da residência oficial do Primeiro-Ministro, e respetivos recheio e equipamentos, incluindo os diversos espaços que integram o complexo.

Informações ao Público

Arte em São Bento

Criada em 2017, esta iniciativa pretende afirmar valorizar e dar a conhecer obras de arte contemporânea portuguesa e prestar homenagem à cultura nacional. Todos os anos, uma coleção de arte portuguesa é convidada a expor obras de artistas contemporâneos nas principais salas da Residência Oficial.

A inauguração da exposição de cada coleção ocorre no dia 5 de outubro, com uma duração de 1 ano.

No dia 5 de outubro de 2023, foi inaugurada a Coleção Manuel de Brito.

 

 

Edições anteriores:

  • 2022 – Coleção Peter Meeker
  • 2021 - Coleção AA
  • 2020 - Coleção Figueiredo Ribeiro
  • 2019 - Coleção Norlinda e José Lima
  • 2018 - Coleção António Cachola
  • 2017 - Coleção Serralves

Até setembro de 2024, a exposição Arte em São Bento – Coleção Manuel de Brito poderá ser visitada no primeiro domingo de cada mês, às 15h00.

As entradas para as visitas guiadas são efetuadas por ordem de chegada, com lotação máxima de 25 pessoas por grupo.

As visitas guiadas são realizadas pelo curador Sérgio Fazenda Rodrigues.

Design em São Bento

Criado em novembro de 2019, este projeto visa conferir um visual mais contemporâneo à Residência Oficial do Primeiro-Ministro através da seleção de peças de mobiliário que constituam uma mostra representativa do design português contemporâneo.

Após a sua inauguração, no dia 25 de janeiro de 2020, a Residência Oficial passou a acolher uma miríade de peças do século XII ao século XXI – mobiliário, luminária, têxteis e objetos decorativos – representativas do património e da cultura portuguesa, destacando os vários setores da produção nacional - madeira, cortiça, pedra, vidro, têxteis e cerâmica.

 

Esta iniciativa poderá ser visitada no primeiro domingo de cada mês, às 11h00.

As entradas para as visitas são efetuadas por ordem de chegada, com lotação máxima de 25 pessoas por grupo.

As visitas guiadas são realizadas pelo curadora Bárbara Coutinho.

 

Visita ao jardim da Residência Oficial

Desde junho de 2016, as portas do jardim da Residência Oficial do Primeiro-Ministro se encontram abertas para a fruição do público aos domingos.

Um verdadeiro oásis de paz e tranquilidade em pleno coração de Lisboa, com uma área de cerca de dois hectares, o jardim do Palacete de São Bento é, com certeza, um dos segredos mais bem guardados da capital portuguesa, integrando um vasto conjunto arbóreo e arbustivo onde pontuam exemplares de grande porte e de inegável beleza

A entrada é gratuita e pode ser feita todos os domingos com a exceção dos dias em que a agenda oficial o impeça.

  • Horário no outono e inverno - entre as 10h00 e as 17h00
  • Horário na primavera e verão – entre as 10h00 e as 18h00

Normas de acesso e utilização do Jardim do Palacete de São Bento

Consultar

Comemorações oficiais do 25 de Abril

Todos os anos, a Residência Oficial do Primeiro-Ministro abre as portas aos cidadãos no âmbito das comemorações oficiais do 25 de Abril.

Propondo um programa cultural diversificado, com uma dezena de espetáculos e atividades a decorrer nos vários espaços do jardim, entre momentos musicais, teatro, animação, e workshops, estas comemorações contam com milhares de visitantes de todas as idades e gerações.

Seguindo a tradição, é inaugurada uma obra de arte em local de destaque no jardim da Residência Oficial para fruição do público.

Última atualização: 30 de janeiro, 2024